Lampião

Uma das peças que mais se destacam em um modelo antigo são os lampiões!
Não se deve negligenciá-las!

Para confeccionar você irá precisar das seguintes ferramentas:

1- Serra de ourives.
2- Jogo de limas.
3- Jogo de estilete.
4- Lixas d´água.

Este são os lampiões que serão instalados no modelo que está sendo montado para o desenvolvimento de um kit de montagem, o Black Falcon!
Vendo a maneira que foram feitos você poderá aplicar em um eventual modelo seu.
Aqui os dois lampiões foram produzidos em série. Para tanto, o primeiro passo foi fazer um modelo para que se pudesse reproduzir.
 

 

O modelo foi feito a partir da junção de 5 elementos.
1- Peça superior usinada a partir de tarugo de latão.
2- . Corpo central feito de um pedaço do mesmo diâmetro de um tarugo de latão do qual foi feito a peça (1).
3- Peça usinada do mesmo diâmetro das duas peças anteriores de latão.
4- Dois pedaços de arame fino torcidos.
Depois de torcidos, foram achatados por meio de pequenas marteladas.
5- Hexágonos feito de chapas de plástico de  2 mm de espessura cortados com serra tico-tico de ourives. 

 

Algumas medidas para você poder "visualizar" o tamanho da peça.

 

Feito o molde de silicone, as peças foram reproduzidas em série. No meu caso, por meio de uma centrífuga, mas para quem vai fazer uma pequena quantidade, basta fazer a forma em silicone e reproduzir uma a uma com uma liga de chumbo qualquer.
Testei e pude ver que pode ser reproduzida também com resina de polurietano sem problema. Fica bem mais leve.
Penso no futuro fazer desse material.
 

 

Toda peça moldada sempre requer algum acabamento! Por esse motivo o pessoal não costuma fazer reproduções em  desse tipo de peça em zamack!
Veja a BlueJack, empresa norte-america!
Tudo é em liga de chumbo com estanho ou  liga de estanho com zinco.
O Zamack é muito duro para poder dar algum acabamento. Muita gente pensa que o zamack tem alguma relação com ligas de estanho! Nada disso! É uma liga a base de alumínio! Zamack apenas para peças que vão sofrer algum esforço: rodas por exemplo! Canhões e outros, não acho uma boa idéia! Mas, tem gosto para tudo!

 

Uma das ferramentas que você mais irá utilizar é o estilete!
Mas, nada de fazer muita força!
Utilize o dedo polegar como um apoio.
Se fizer assim, terá mais controle sobre a ferramenta e não fará muito esforço sobre a mesma!
Veja na foto como trabalhar com o estilete!
Outro detalhe,!  Acostume-se a trabalhar retirando pequenos bocados por vez!
Nada de tentar tirar um ressalto ou rebarba em uma única vez! É forçar em demasia a ferramenta  deixando certamente marcas na peça!

 

Depois de retiradas as rebarbas, passe levemente uma lima chata pequena, alisando a superfície.

 

Na base foi feito um furo e aí introduzido um pedaço de arame galvanizado.

 

A peça deverá receber uma generosa demão de fundo para metal.

 

Aqui foi utilizado um fundo em spray.
Qualquer casa de comércio de tintas tem!
Utilize o de emprego geral ou específico para metal. Existem alguns específicos para plástico.

 

Depois que o fundo secou bem,  foi fita  pintura, também em spray na cor ouro.

 

A parte de dentro os "vidros" foram pitados de vermelho.
Poderia utilizar esmalte sintético ou tinta acrílica, mas achei por bem fazê-lo com um marcador para retroprojetor na cor vermelha. O resultado fica mais parecido com vidro.

Por esse dias vou fixá-los na popa do Balck Falcon.
Quando o fizer edito uma foto para verem como ficou!